Bolero

 

Graciosidade e beleza - uma dança para todos

 

Um pouco de história

 

Um dos avós do Mambo, Chá Chá Chá e Salsa, o Bolero nasceu na Inglaterra passando pela França e Espanha com nomes variados (Dança e Contradança). Mais tarde um bailarino espanhol, Sebastian Cerezo, fez uma variação baseadas nas Seguidillas - bailados de ciganas, cujos vestidos eram ornados com pequenas bolas (as boleras). Assim como o Bolero influenciou os ritmos citados, também recebeu influências de outros ritmos como o Tango e apenas no Brasil, ele é dançado da forma como o conhecemos nos dias atuais com figurações, passos de efeito e muitos giros. Na maioria dos países Latino-americanos ele é dançado de forma simples e lenta, sem muitas variações.

Portanto, quando você ouvir a expressão "dois pra lá, dois pra cá", com certeza estão falando do Bolero, pois essa é a base para se dançar esse ritmo que se desenvolveu, principalmente, em Cuba e outros países da América Central, México, República Dominicana, Porto Rico. Na Europa ele é mais conhecido como Rumba Lenta.

O Bolero é uma dança agradável e elegante, dançado em músicas românticas com letras sentimentais e por isso permanece até nossos dias.

 

Confira a grade de horários para as aulas de dança de salão.

 

Compartilhe com seus amigos!